Tentativas frustradas de tratamento: Como seguir em frente?

caminhadaÉ verdade que realizar tratamentos de reprodução assistida não costuma ser uma experiência fácil para a maioria das pessoas. Disponibilizar tempo (e dinheiro) para as consultas médicas, ultrassonografias de controle da ovulação e procedimentos médicos, vira quase uma “ginástica” em meio à rotina de trabalho de quem está tentando engravidar desta maneira.

Porém, o mais difícil deste processo, é passar por tudo isso e não ter o resultado esperado; essa experiência desestabiliza o emocional de qualquer um. Por mais que, racionalmente, se saiba dessa possibilidade, o resultado negativo tem um impacto sobre o casal e pode ser melhor ou pior “digerido” dependendo da estrutura emocional de cada um.

Após o “beta negativo”, como seguir em frente? Como acreditar novamente que, mesmo fazendo todo o processo do mesmo modo, o resultado pode ser diferente? Não é fácil, mas o resultado pode ser diferente sim, sendo importante a persistência e crença interna de que o sonho é possível.

Algumas pessoas precisam de um  tempo maior para elaborarem o sentimento de frustração e de fracasso, esse último, muito comum também, pois, intimamente o casal se responsabiliza pelo resultado. Assim, quando não dá certo, ficam buscando respostas para o que aconteceu, acreditando, por exemplo, que foi falta de repouso, algo de errado que fizeram no passado etc.

Mas é o sonho não realizado que realmente faz o casal recrutar forças para ir em frente. O vazio do filho que não chega é muito angustiante e faz com que se busque alternativas para por fim a esse sofrimento e ter o tão almejado filho nos braços.

Se a via do tratamento é o caminho possível, é nela que precisamos trilhar para chegar onde desejamos. Por mais dolorido que possa ser todo esse processo, o filho justifica tudo e com ele, toda a dor fica para trás.

A chegada de uma vida não está sob o controle de ninguém, mas buscar meios para  que ela chegue, quer pela via do tratamento, adoção, ovodoação etc, isso sim está atrelado ao que podemos fazer para possibilitar a concretização do desejo.

Luciana Leis

E você, o que pensa sobre este assunto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s