Manifestação cobra tratamentos de fertilidade em planos de saúde

Olá, seguidores!

Sei que há tempos não faço nenhum post novo, me desculpem, mas as últimas semanas têm sido bem corridas.

Divulguei aqui no blog sobre o Movimento de Cidadania em Prol dos Casais Inférteis, abaixo coloco a matéria publicada no site “O Globo” e também mostro algumas fotos deste dia.

Foi bem bacana, mas não podemos parar a luta por aqui, precisamos persistir até conseguirmos nosso objetivo!

Luciana Leis

 

Em São Paulo, casais usaram carrinhos de bebê vazios durante passeata na Avenida Paulista

Cerca de 200 pessoas fizeram uma passeata pacífica na Avenida Paulista, na manhã de 09 de agosto, para protestar contra planos de saúde, que não cobrem técnicas de reprodução assistida para casais com problemas de fertilidade. Além de faixas e cartazes, mulheres e homens usaram carrinhos de bebês vazios, simbolizando a dor dos casais inférteis.

O movimento contou com apoio de ONGs como a Orientavida, o Gapendi (Grupo de Apoio às Portadoras de Endometriose) e de entidades médicas, que decidiram se reunir em prol de pacientes e pensam até em recorrer à Justiça.

Cinco anos após a aprovação da lei 11.935, que obriga os planos de saúde a cobrir técnicas de concepção e contracepção, casais ainda não conseguem que as operadoras paguem pelos tratamentos de reprodução assistida. E em muitos casos precisam recorrer à Justiça. Isso porque uma norma da Agência Nacional de Saúde (ANS) excluiu do rol de tratamentos a inseminação artificial.

A infertilidade conjugal é doença prevista na Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde da Organização Panamericana de Saúde e da Organização Mundial da Saúde.

Um dos interlocutores do movimento, o médicos ginecologista Newton Busso, presidente da comissão nacional especializada em reprodução humana da Febrasgo (Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia),afirmou que é “crucial a mobilização da sociedade civil brasileira para garantir o acesso ao tratamento de infertilidade”.

Fonte: http://oglobo.globo.com/brasil/manifestacao-cobra-tratamentos-de-fertilidade-em-planos-de-saude-13549901#ixzz3CUzv0d7X

passeatapasseata-faixacartaz

 

Anúncios

E você, o que pensa sobre este assunto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s